PAN 2019: BIA FERREIRA CONQUISTA OURO INÉDITO NO BOXE FEMININO

A pugilista baiana, radicada em Juiz de Fora, Beatriz Ferreira, 28, conquistou a medalha de ouro inédito na categoria peso leve feminino (até 60kg).

Por Lucas Ignácio

Crédito de Imagem: Ivan Alvarado/Reuters

A atleta brasileira derrotou a rival argentina Dayana Sánchez, em decisão unânime, 30 a 27, com vitória nos três rounds por 10 a 9. Com o título na competição, Bia se tornou a primeira mulher pugilista a conquistar uma medalha de ouro pelo Brasil nos Jogos Pan-Americanos.

Além disso, Bia ajudou o Brasil a quebrar um tabu de 12 anos sem conquistar uma medalha de ouro pan-americana, desde a conquista de Pedro Lima no Pan do Rio em 2007. Na edição brasileira, o pugilista de 36 anos do peso meio-médio colocou fim a um jejum de 44 anos sem a medalha dourada nos ringues.

Aos 26 anos, Beatriz Ferreira é filha do ex-boxeador e professor de boxe Sergipe, que mora em Juiz de Fora, local em que ministra suas aulas da nobre arte, responsável pela iniciação da filha no esporte. Além do ouro, o boxe brasileiro fecha a participação em Lima, no Peru, com duas três medalhas de prata e duas de bronze.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: