Alemães em Juiz de Fora: festa e patrimônio cultural

Dy Eiterer

Com ideia inicial gerada na criação do Grêmio Folclórico Teuto-Brasileiro (1967), que promoveu o primeiro Festival de Chope em 1969,  a Festa Alemã atual é uma das joias culturais de Juiz de Fora. Atraindo um grande público e mobilizando a cidade, é símbolo da importância e integração dos descendentes alemães na sociedade.

Hoje, encampa importante lugar no calendário oficial de festividades da cidade, junto ao Miss Brasil Gay (ver artigo aqui) e ao Festival de Música Colonial e Antiga (ver artigo aqui).

E através da lei nº 12.621, de 9 de julho de 2012, a Deutsches Fest – Festa Alemã tornou-se uma utilidade pública para fins de registro e efeito de proteção e preservação, como bem característico dos grupos culturais colonizadores da cidade, juntamente com o modo de fazer o pão alemão,  tradicional entre os imigrantes alemães, que foi registrado como Bem Imaterial pelo Decreto nº 10.232, de 5 de maio de 2010.

Em sua organização, no início, várias entidades se ajuntavam pelo bem comum: melhorar a situação do bairro, divulgar sua cultura e não perder de vista as suas tradições.

A  Igreja Católica, a Igreja Luterana, a Sociedade Pró-Melhoramentos do Bairro Borboleta (SPM), o Esporte Clube Borboleta, a Fundação Espírita Aurílio Braga e a Escola de Samba Borboleta são exemplos de integração que mostram a pluralidade na construção da Festa Alemã.

Bairro Borboleta. Imagem: Facebook – Deutsches Fest.

Entre os destaques de todas as edições estão tanto as barracas com nomes das famílias dos imigrantes quanto os pratos da tradicional culinária alemã, com  suas tortas e o pão alemão, o joelho de porco, o chucrute,  as salsichas e variados tipos de cervejas,  não excluindo outras culinárias.

Entre as atrações culturais estão as apresentações de danças, as músicas e o comércio receitas das famílias alemãs, fato que possibilitou que a Festa se tornasse utilidade pública e o pão alemão um bem imaterial.

Além de tudo, a Deutsches Fest se caracteriza pela ligação entre as temporalidades, as gerações, sendo um forte elemento na formação da identidade da comunidade.

Então, vamos aproveitar mais essa expressão cultural da cidade e prestigiar a festa e valorizar nosso bem cultural! Este ano, a Festa Alemã acontece até o dia 15 de setembro, domingo, no bairro Borboleta.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: