Jogadores x Técnicos: a crise de gestão em clubes brasileiros

Lucas Ignácio

Na última semana, três clubes brasileiros expuseram suas crises internas. Em capas de diários esportivos, Cruzeiro, Fluminense e São Paulo estiveram os casos de desentendimento entre técnicos e dirigentes reproduzidos para todos os seus leitores e quem quisesse saber.

Os clubes vivem momentos de instabilidade no campeonato e convivendo com problemas de gestão e na área financeira nesta temporada.

No empate entre Fluminense e Santos por 1 a 1, o meia Paulo Henrique Ganso e o ex-técnico Oswaldo de Oliveira trocaram ofensas e por pouco não passaram para a briga, sendo contidos por membros da comissão técnica do clube carioca.

Ao ser substituído por Oswaldo, Ganso não tinha gostado da decisão do treinador e reagiu com hostilidade, xingando-o de burro e completando com palavra de baixo calão. Em resposta, Oswaldo não levou desaforo para o banco e retrucou o jogador, chamando-o de vagabundo.

No dia seguinte, a diretoria do Fluminense decidiu demitir o treinador e multou o camisa 10 em uma retirada percentual de seu salário.

No domingo, 29, o Fluminense venceu o Grêmio por 2 a 1 e saiu da zona de rebaixamento, sob comando técnico de Marcão, que era auxiliar técnico de Oswaldo. Na véspera do jogo, uma torcida organizada do tricolor carioca invadiu o CT do clube para cobrar jogadores diante da má situação que o Fluminense vive no Brasileirão.

Outro tricolor parece viver uma crise de gestão interminável. Após a derrota em casa para o Goiás, por 1 a 0, em partida válida pela 21º rodada do Brasileirão, o então treinador Cuca pediu demissão e deixou o comando em menos de seis meses de trabalho, num fraco aproveitamento de 47,4% (9V, 10E e 7D).

O provável substituto seria o coordenador técnico Vagner Mancini, porém a diretoria confirmou Fernando Diniz como novo técnico do São Paulo.

Em meio a esta transação, um áudio de Vagner Mancini vazou e esteve em circulação nas redes sociais. No conteúdo desta mídia, o então coordenador técnico do São Paulo falou sobre sua efetivação no cargo após saída de Cuca, mas que a diretoria estava em dúvida entre ele e o Fernando Diniz, sendo assim, decidiu pedir demissão do clube.

Além disso, o dirigente declarou que o lateral e meia do tricolor e a seleção brasileira, Daniel Alves, havia pedido a diretoria a contratação do treinador atual.

No desfecho do caso, Mancini saiu com sentimento de desprestígio no clube e alguns jogadores sendo protestados pela torcida organizada, como Anthony, Daniel Alves e Pablo.

No último sábado, o São Paulo visitou o líder Flamengo e conquistou o empate sem gols. O resultado no Rio de Janeiro foi visto como positivo e que deixou o tricolor paulista na sétima colocação.

O Cruzeiro vive uma das piores crises em sua história. Após um longo período sem marcar gols, a raposa segue sem mostrar um futebol convincente, não conseguindo vencer e se mantendo na zona de rebaixamento do Brasileirão.

Toda esta fase se baseia na crise interna que os mineiros se encontram presentes, se agravando na demissão de Rogério Ceni, em atrito com o meia Thiago Neves e o zagueiro Dedé, e a recente invasão da torcida organizada na Toca da Raposa.

Após o empate sem gols com o Ceará, a diretoria do Cruzeiro anunciou a demissão de Rogério Ceni. A saída do treinador, no curto período de dois meses, foi atrelada ao mau momento que o clube vive na competição nacional e o desgaste criado por ele e o camisa 10 da raposa, Thiago Neves.

Na passagem pela Toca da Raposa, Ceni conquistou somente duas vitórias. Na última segunda-feira, o Cruzeiro perdeu para o Goiás por 1 a 0, na estreia de Abel Braga.

No dia seguinte de mais uma derrota celeste, uma torcida organizada invadiu a Toca da Raposa para pedir satisfação aos jogadores e o técnico atual Abel Braga. Dedé, Fábio e o próprio Abel tentaram conversar com alguns torcedores, para que a tensão fosse amenizada. Policiais e seguranças do clube esteve no local para evitar um tumulto maior.

Ouça a fala de Dedé sobre o ocorrido com Ceni:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: